Partilhar

Como saber se tive um orgasmo?

 
Por Julia Latorre. Atualizado: 21 junho 2018
Como saber se tive um orgasmo?

O corpo de todas as pessoas está preparado para ter um orgasmo mediante estímulos físicos e psicológicos. No entanto, por se tratar de um momento intransferível, que ninguém possa sentir por você, é mais normal do que você imagina o fato de que muita gente não sabe se realmente chegou ao orgasmo. Não se sinta mal por isso, você não está sozinha (o). Existem 10 sinais inconfundíveis que te ajudam a responder 'como saber se tive um orgasmo?' e é sobre eles que o umCOMO vai falar agora.

Também lhe pode interessar: Como saber se a mulher teve um orgasmo

1. Antes: você já passou pela fase da excitação nas preliminares

Uma pessoa só chega ao orgasmo se estava excitada antes, tanto os homens quanto as mulheres. Isso explica o fato de que homens podem ter uma ejaculação sem necessariamente atingir o orgasmo, o que para as mulheres é um pouco diferente: elas só podem ter uma ejaculação feminina quando têm um orgasmo.

Os sinais de que uma mulher está excitada são muito variáveis para cada uma e também estão totalmente relacionados ao fator psicológico. No entanto, o simples fato de pensar que a pessoa resolveu seguir a pegação ou as preliminares adiante já á uma prova de que aquilo estava excitante.

Sinais físicos de que uma mulher está excitada

  • Aumento da temperatura corporal (calor);
  • Cheiro da pele mais forte devido aos feromônios liberados (conhecido como 'cheiro de sexo');
  • Começo da lubrificação vaginal;
  • Clítoris e seios sensíveis;
  • Bico dos seios levantados.

Já para os homens, o sinal mais claro de que ele está sexualmente excitado é a ereção. No entanto, homens podem ter ereções por outros motivos. Assim, além da ereção, vale prestar atenção também no ritmo da respiração (ficam mais ofegantes), enrijecimento da musculatura corporal e sensibilidade em partes do corpo que vão além da zona íntima, como pescoço, orelhas, peito e abdômen. Essas mesmas zonas erógenas.

Sinais físicos de um homem excitado

  • Enrijecimento muscular;
  • Sensibilidade em zonas erógenas;
  • Ereção do pênis;
  • Escroto inchado;
  • Testículos sobem.

2. Lubrificação vaginal e clítoris

Com as preliminares, o curso natural do caminho para o orgasmo leva têm algumas reações conhecidas no corpo feminino, a sensação será de uma vagina lubrificada e involuntariamente contraída:

Lubrificação vaginal

Uma das confusões comuns é pensar que a lubrificação vaginal é um orgasmo. Precisamos entender que a lubrificação vaginal não significa que a pessoa teve um orgasmo, mas pode ser um sinal importante que a mulher está mais próxima de conseguir.

Uma secreção transparente e sem cheiro que umedece as paredes vaginais e a vulva é notada. Apesar de ser um sinal muito comum de que a mulher está no caminho certo para o orgasmo, algumas mulheres podem não conseguir essa lubrificação naturalmente por questões psicológicas, físicas ou fases como a menopausa, por exemplo. Essa condição deve ser investigada por um ginecologista e o lubrificantes pode e deve ser utilizado quando a lubrificação não aparece naturalmente com a excitação.

Sugestão: Como aumentar a lubrificação natural

Sensibilidade do clítoris

Com preliminares bem realizadas, o clítoris responde com um considerável enrijecimento e sensibilidade local. Sensibilidade essa que pode até levar a um orgasmo clitoriano, o mais comum para as mulheres.

3. Seios enrijecidos e maiores

Além da sensibilidade nos seios, com a circulação estimulada, eles aumentam temporariamente de tamanho, ficam mais rígidos e isso pode ser percebido visualmente. Os bicos dos seios costumam ser a parte mais notável e sensível, inclusive também podem proporcionar orgasmos quando bem estimulados:

  • Seios enrijecidos;
  • Seios temporariamente maiores;
  • Mamilos inchados e bico do peito para fora.

Sugestão: Como estimular os mamilos

4. Contrações e tremores involuntários

As contrações involuntárias são um fortíssimo indício de que o orgasmo está próximo, com o passar dos estímulos nas preliminares os músculos vão ficando cada vez mais tensos. Muitas mulheres sentem tremores involuntários nas pernas, que sao mais perceptíveis entre as coxas até mesmo para o parceiro (a).

Essa sensação que antecede o orgasmo se assemelha a um descontrole do próprio corpo com reflexos involuntários e algumas pessoas podem achar que isso já é o orgasmo ou ficarem assustadas com essa falta de controle. É nesse 'susto' com a falta de controle que algumas mulheres desenvolvem uma espécie de de bloqueio, ficam tensas e não conseguem chegar ao orgasmo.

Se isso acontece com você, esse é o momento de relaxar e se entregar de corpo e alma para aquele momento. Viva o momento, pense em coisas boas e foque nos seu prazer.

Veja mais em: Como reage o corpo da mulher durante o orgasmo

5. Respiração ofegante e gemidos (quase) incontroláveis

Nem todas as mulheres gemem quando sentem prazer, algumas são mais silenciosas enquanto outras também canalizam a energia sexual na voz e até gritam. De qualquer forma, a respiração vai ficando mais ofegante à medida em que o prazer aumenta e a voz pode sair, mesmo que você não queira.

Por mais que os ruídos sexuais precisem ser evitados dependendo do lugar em que vocês estão transando, o ideal é não se preocupar com isso já que pode causar uma tensão e um bloqueio e um momento em que você já estava tão próxima ao orgasmo.

Em tempo, os gemidos não necessariamente significam um orgasmo. Mas quando não sao fingidos, são um ótimo termômetro do prazer.

Como saber se tive um orgasmo? - 5. Respiração ofegante e gemidos (quase) incontroláveis

6. Até 15 segundos de explosão de prazer

A vagina vai se contraindo até que orgasmo chegue para uma explosão de prazer misturada a uma sensação de relaxamento. São segundos curtos porém muito intensos. Embora existam relatos de mulheres que consigam gozar por até 1 hora em sessões de sexo tântrico, o comum é que as contrações mais intensas durem de 4 a 15 segundos sendo que nesse momento, além de contrações vaginais involuntárias muito fortes, as costas podem se arquear, os gemidos ficam realmente incontroláveis para quem os têm, e a pele do corpo todo fica mais rosada devido à circulação sanguínea e o ritmo cardíaco acelerado.

São segundos arrebatadores quando em questão de instantes o corpo passa de um estado gostosa e incontrolavelmente tenso para uma explosão anestésica e relaxante.

  • Sensação de 'explosão boa' dentro do corpo;
  • Sons incontroláveis;
  • Pele mais rosada;
  • Sensação de taquicardia pelo ritmo cardíaco acelerado.

Leia também: Quanto tempo uma mulher demora para chegar ao orgasmo?

7. Felicidade ou emoções extremas

Apesar dos aspectos físicos, o que mais ajuda as pessoas a saberem se tiveram um orgasmo naquele momento ou não, são as sensações que estão além do plano corporal. Estamos falando de uma espécie de emoção que vem do fundo do peito que é fruto da adrenalina liberada e também das endorfinas produzidas pelo cérebro, isso gera sensações que dificilmente são traduzidas através de palavras que representem sintomas.

É importante considerar também que as pessoas têm reações diferentes, algumas riem, outras se sentem muito feliz e outras choram sem 'motivo aparente'. Essas reações não necessariamente serão sempre as mesmas. Há quem relate também enxergar estrelinhas, luzes coloridas e coisas do tipo no auge do clímax.

8. Corpo relaxado e satisfação

Após os segundos de contração máxima vem uma sensação de relaxamento extremo e uma espécie de 'cansaço bom', é muito possível que nesse momento ainda seja possível sentir as batidas do coração. A expressão 'pernas bambas' pode muito bem ser aplicada nesse momento pós-orgasmo, quando o sentimento físico é do corpo amolecido e o corpo e a mente anestesiados.

Veja também: As 4 fases do orgasmo feminino

9. Ejaculação feminina (squirt)

Mulheres também ejaculam! Embora a ejaculação feminina não seja uma regra, toda vez que uma mulher ejacula significa que ela teve um orgasmo enquanto a situação ao contrário não se aplica, nem toda mulher que tem um orgasmo ejacula.

Trata-se de um fluido inodoro e incolor que é liberado durante o orgasmo e pode até ser confundido com xixi, mas não é. Ele pode escorrer ou esguichar durante os momentos mais intensos do orgasmo chegando a molhar o lençol. Algumas mulheres têm uma facilidade natural de conseguir o squirt, outras podem estimular seguindo as as dicas do artigo sobre como conseguir a ejaculação feminina.

10. Tipos de orgasmo

Apesar de a sensação ser a mesma, a expressão 'tipos de orgasmo' existe porque ele pode ser gerado através de diferentes estímulos e não necessariamente precisam vir de uma relação em 2 ou mais pessoas, mas também podem vir de masturbação e outros estímulos.

Os tipos de orgasmos mais conhecidos são:

  • Clitoriano;
  • Vaginal;
  • Anal;
  • Estimulação dos seios;
  • Múltiplo.

Ou seja, para ter um orgasmo você não precisa estar transando com penetração. Ele pode acontecer nas preliminares, com algum estímulo que te dê muito prazer e, principalmente, com a masturbação, que é considerada um dos melhores caminhos para o autoconhecimento e que você saiba o que realmente te excita e te dá prazer para conseguir gozar.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como saber se tive um orgasmo?, recomendamos que entre na nossa categoria de Relações Sentimentais.

Bibliografia
  • http://www.span-lab.com/Assets/pdf/PrauseOrgasm2012.pdf

Escrever comentário sobre Como saber se tive um orgasmo?

O que lhe pareceu o artigo?

Como saber se tive um orgasmo?
1 de 2
Como saber se tive um orgasmo?

Voltar ao topo da página