menu
Partilhar

Minha vagina é normal?

Minha vagina é normal?
Imagem: healthtap.com

Existem mulheres que ficam se perguntando se a sua vagina é normal? Essa questão é levantada, geralmente, ao se criar o mito de que existe um padrão de beleza para o órgão genital. Para desmistificar crenças errôneas, o umComo.com.br vai dar algumas informações sobre o assunto.

Também lhe pode interessar: Vagina gorda é um problema?

Como saber se a vagina é normal

As definições de normal costumam se estender sobre os diversos aspectos do corpo humano e com a vagina não é diferente. Porém, especialistas lembram que em primeiro lugar uma mulher deve se preocupar com o seu órgão genital apenas quando apresentar sintomas como corrimentos, coceiras, feridas e outros problemas que algumas doenças podem apresentar.

Em termos de aparência, não existe um parâmetro que defina que uma vagina seja normal ou não. Assim como acontece com os ditos padrões de beleza, que são criados apenas para beneficiar a indústria dos cosméticos, cirurgias plásticas e outros produtos e serviços, a vagina é alvo ainda da indústria pornográfica, que mostra órgãos sexuais “perfeitos”.

Por tudo isso, é possível dizer para as mulheres que perguntam: minha vagina é normal? sim, a sua vagina é normal, mesmo que você a compare com a de outras mulheres e ache diferente. No entanto, existem médias de tamanho, que valem apenas como curiosidade, pois se você medir as partes que formam a sua vagina e verificar que não se encaixa nas médias encontradas em estudos isso ainda não é motivo para pensar que ela não é normal.

Minha vagina é normal? - Como saber se a vagina é normal
Imagem: guiaastral.uol.com.br

Tamanhos médios da vagina

Em pesquisas sobre os tamanhos médios da vagina, constatou-se que a vagina pode ter de 6,5 a 12,5 centímetros de profundidade, o chamado canal vaginal, quando relaxada. Essa medida engloba a distância da vulva até ao colo do útero. Quando a mulher se excita, a profundidade se expande, podendo chegar aos 15 centímetros. Quanto ao diâmetro, a vagina pode aumentar o seu tamanho em até 10 vezes em comparação à medida em repouso.

Essa mudança pela qual pode passar a vagina é um artifício do organismo, a fim de facilitar, inclusive, a passagem do feto durante o parto. Já o clitóris costuma ter de 0,2 a 2,5 centímetros de largura e de 0,4 a 4 de altura. Quanto aos lábios menores, o esquerdo pode ter de 0,4 a 6,4 centímetros de largura e de 1,2 a 7,5 de altura. Já o direito costuma ter de 0,3 a 7 centímetros de largura e de 0,8 a 8 de altura. Como é possível observar nos estudos, é normal que um lábio seja diferente do outro e que possam ter tamanhos bem diversos.

A mulher apenas deve se preocupar com os seus lábios vaginas se durante a relação sexual houver dor. Por fim, a pesquisa também levantou os tamanhos encontrados nos lábios maiores. Eles podem variar de 4 a 11,5 centímetros, sendo que com a idade a tendência é que eles diminuam de tamanho. Porém, mesmo que você consiga medir as partes que formam a sua vagina e elas saírem um pouco das medidas encontradas não há razão para se preocupar. Se mesmo assim você não está convencida, o indicado é visitar o ginecologista para uma consulta.

Sugestão para você: Bolinhas na vagina, o que pode ser? - Espinhas e problemas relacionados

Minha vagina é normal? - Tamanhos médios da vagina
Imagem: ignatianspirituality.com

Se pretende ler mais artigos parecidos a Minha vagina é normal?, recomendamos que entre na nossa categoria de Relações Sentimentais.

Escrever comentário

O que lhe pareceu o artigo?
5 comentários
A sua avaliação:
kellen Christina Francischini
A aparência da buceta

A aparência da buceta (o tamanho, o formato, a cor) não deve ser motivo de preocupação para nenhuma mulher. Cada buceta é original, ímpar, única; não existem duas bucetas iguais. É como impressão digital. Não dá para comparar bucetas.

Toda buceta é linda, atraente e excitante. A mulher deve ter aceitação quanto à sua buceta e se sentir bem com ela; viver de bem com a própria buceta.

Existem bucetas de tamanho médio, bucetas pequenas e bucetas grandes. Há mulheres que possuem a buceta mais proporcional ao seu corpo; outras, a buceta considerada menor; outras, enfim, a buceta mais encorpada, carnuda ou volumosa. O monte pubiano (monte de Vênus) pode ser mais elevado em uma buceta e mais baixo na outra. O clitóris pode ser mais preponderante numa do que na outra buceta. Os lábios exteriores (grandes lábios) podem ser mais vultosos nessa buceta e menos naquela. Os lábios interiores (pequenos lábios) podem sem mais salientes nessa e menos naquela buceta. O tamanho da buceta não é documento.

Ainda quanto aos lábios exteriores da buceta, um pode ser um pouco maior do que o outro. Quanto aos lábios interiores, na mesma buceta, um é sempre mais ressaltado do que o outro. Não existe buceta simétrica.

Uma buceta pode ser avermelhada, a outra, rosada, a outra, arroxeada. A buceta pode ter uma manchinha mais clara ou mais escura, uma pinta ou mais de uma. Não existe buceta padrão.

A largura e o comprimento internos da buceta (vagina) também variam de mulher para mulher. O canal vaginal é mais largo numa buceta e mais estreito na outra; mais longo nessa e mais curto naquela buceta. Cada vagina é diferente. Tudo isso é absolutamente natural e normal.

A mulher pode deixar a buceta peludinha ou depilada. Isso depende do seu gosto pessoal ou do seu companheiro. Cabeludinha ou raspadinha a buceta é bonita. Não existe buceta feia. Nossa buceta é linda, cheirosa e gostosa ao natural.

Uma coisa é de suma importância: uma visita periódica à(o) ginecologista para avaliar a saúde da buceta. Outra coisa muito importante é a higiene regular da buceta. Nada como uma buceta limpinha, cheirosa, para a mulher se sentir bem e evitar constrangimento na hora da relação sexual. Ninguém gosta de buceta azeda. Isso também ajuda a prevenir problemas de saúde da buceta.

Homens não se preocupam com a aparência da buceta. Isso é uma preocupação exclusivamente feminina; e é uma preocupação supérflua, desnecessária. Quando o homem procura a mulher para uma relação sexual ele quer ter prazer. Isso é próprio do ser masculino. Portanto, se a mulher estiver a fim, ela pode e deve se entregar com serenidade e confiança, dar a buceta sem medo, buscando igualmente seu prazer pessoal, sem outras preocupações, desfrutando plenamente daquele “momento precioso”.

Quando os dois se amam ambos ficam felizes em dar prazer um ao outro.
Portanto, tenha sempre essa convicção: “Minha buceta é linda, cheirosa e gostosa. Eu amo minha buceta”.


A sua avaliação:
Kellen Christina Francischini
A aparência da buceta

Kellen Christina Francischini

A aparência da buceta (o tamanho, o formato, a cor) não devem ser motivo de preocupação para nenhuma mulher. Cada buceta é original, ímpar, única; não existem duas bucetas iguais. É como impressão digital. Não dá para comparar bucetas.

Toda buceta é linda, atraente e excitante. A mulher deve ter aceitação quanto à sua buceta e se sentir bem com ela; viver de bem com a própria buceta.

Existem bucetas de tamanho médio, bucetas pequenas e bucetas grandes. Há mulheres que possuem a buceta mais proporcional ao seu corpo; outras, a buceta considerada menor; outras, enfim, a buceta mais encorpada, carnuda ou volumosa. O monte de Vênus pode ser mais elevado em uma buceta e mais baixo na outra. O clitóris pode ser mais preponderante numa do que na outra buceta. Os grandes lábios podem ser mais vultosos nessa buceta e menos naquela. Os pequenos lábios podem sem mais salientes nessa e menos naquela buceta. O tamanho da buceta não é documento.

Quanto aos grandes lábios da buceta, um pode ser um pouco maior do que o outro. Quanto aos pequenos lábios, na mesma buceta, um é sempre mais ressaltado do que o outro. Não existe buceta simétrica.

Uma buceta pode ser avermelhada, a outra, rosada, a outra, arroxeada. A buceta pode ter uma manchinha mais clara ou mais escura, uma pinta ou mais de uma. Não existe buceta padrão.

A largura e o comprimento internos da buceta também variam de mulher para mulher. O canal vaginal é mais largo numa buceta e mais estreito na outra; mais longo nessa e mais curto naquela buceta. Tudo isso é absolutamente natural e normal.

A mulher pode deixar a buceta peludinha ou depilada. Isso depende do seu gosto pessoal ou do seu companheiro. Cabeludinha ou raspadinha a buceta é bonita. Não existe buceta feia. Nossa buceta é linda, cheirosa e gostosa ao natural.

Uma coisa é de suma importância: uma visita periódica à(o) ginecologista para avaliar a saúde da buceta. Outra coisa muito importante é a higiene regular da buceta. Nada como uma buceta limpinha, cheirosa, para a mulher se sentir bem e evitar constrangimento na hora da relação sexual. Ninguém gosta de buceta azeda. Isso também ajuda a prevenir problemas de saúde da buceta.

Homens não se preocupam com a aparência da buceta. Isto é uma preocupação exclusivamente feminina; e é uma preocupação supérflua, desnecessária. Quando o homem procura a mulher para uma relação sexual ele quer ter prazer. Isso é próprio do ser masculino. Portanto, se a mulher estiver a fim, ela pode e deve se entregar com serenidade e confiança, dar a buceta sem medo, buscando igualmente seu prazer pessoal, sem outras preocupações, desfrutando plenamente daquele “momento precioso”.

Quando os dois se amam ambos ficam felizes em dar prazer um ao outro.
Portanto, tenha sempre essa convicção: “Minha buceta é linda, cheirosa e gostosa. Eu amo minha buceta”.
A sua avaliação:
Ioseph
O tamanho, o formato e a cor da boceta! O formato da boceta não devem ser motivo de preocupação para nenhuma mulher. Cada boceta é original, ímpar, única; não existem duas bocetas iguais. É como impressão digital. Não dá para comparar bocetas. Toda boceta é linda, atraente e excitante. A mulher deve ter aceitação quanto à sua boceta e se sentir bem com ela. Viver de bem com a própria boceta Existem bocetas médias, bocetas pequenas e bocetas grandes. Há mulheres que possuem a boceta mais proporcional ao seu corpo. Outras têm a boceta considerada menor. Outras, a boceta mais carnuda ou volumosa. O monte de Venus pode ser mais elevado em uma mulher e mais baixo na outra. O clitóris pode sem mais, ou menos preponderante. Os grandes lábios podem ser mais vultosos numa boceta do que na outra. Os pequenos lábios podem sem mais salientes nessa e menos naquela boceta. O tamanho da boceta não é documento. Os grandes lábios da boceta, um pode ser um pouco maior do que o outro. Os pequenos lábios, um é sempre mais ressaltado do que o outro. Não existe boceta simétrica. Uma boceta pode ser avermelhada, a outra, rosada, a outra, arroxeada. A boceta pode ter uma manchinha mais clara ou mais escura, uma pinta ou mais de uma. Não existe boceta padrão. A largura e o comprimento internos da boceta variam de mulher para mulher. Tudo isso é absolutamente natural e normal. A mulher pode deixar a boceta peludinha ou depilada. Isso depende do gosto pessoal da mulher ou do seu companheiro. Cabeludinha ou raspadinha a boceta é bonita. Não existe boceta feia. Uma coisa é de suma importância: uma visita periódica ao (à) ginecologista para avaliar a saúde da boceta. Outra coisa muito importante é a higiene regular da boceta. Nada como uma boceta limpinha, cheirosa, para a mulher se sentir bem e evitar constrangimento na hora da relação sexual. Ninguém gosta de boceta azeda. Isso também ajuda a prevenir problemas de saúde da boceta. Homem não se preocupa com tamanho, formato e cor de boceta. Isto é uma preocupação exclusivamente feminina. E é uma preocupação supérflua, desnecessária. Quando o homem procura uma boceta ele quer ter prazer. E esta deve ser a preocupação da mulher.
Na relação, a mulher deve apenas se entregar confiante, com segurança, acreditando em si mesma. Dar sem medo e deixar o homem dominar a situação. E a mulher descobre que tudo isso é extremamente prazeroso para os dois.
Cillinha
Como se mede uma vagina?
Sandra Batista
Gostaria de saber se quando a vagina aparece pintinha embranquecer a nos lábios e dentro sem sentir dor. E normal.?
Minha vagina é normal?
Imagem: healthtap.com
Imagem: guiaastral.uol.com.br
Imagem: ignatianspirituality.com
1 de 3
Minha vagina é normal?

Voltar ao topo da página