Partilhar

Como escolher o material de um brinquedo sexual

Por Sara Viega. Atualizado: 20 janeiro 2017
Como escolher o material de um brinquedo sexual
Imagem: fernanda-familiar.com

Você decidiu comprar um brinquedo sexual para seus momentos de solidão ou para compartilhar com seu parceiro e viver deliciosas e novas experiências. Mas ainda que possa soar a uma tarefa simples de conseguir, o mercado está cheio de muitas alternativas além do tipo de brinquedo que deseja ou o tamanho. Entre as várias decisões que deve tomar está a que se refere ao material, que influencia diretamente na qualidade e preço do produto. Então como escolher o material de um brinquedo sexual? Em umComo.com.br explicamos tudo.

Também lhe pode interessar: Como escolher um chicote sexual
Passos a seguir:
1

Atualmente a indústria erótica cuida muito dos materiais utilizados na fabricação dos brinquedos sexuais, com o objetivo de evitar que os mesmos sejam tóxicos para os usuários. São vários os materiais que podem ser encontrados, mas em umComo abordaremos os mais habituais.

2

O silicone é talvez um dos materiais mais frequentes utilizados na elaboração dos brinquedos sexuais. Ele continua sendo um dos prediletos do público devido à sua flexibilidade, mas também conta com outras importantes vantagens que convertem o silicone em uma excelente aposta para qualquer brinquedo sexual, por exemplo:

  • Com o uso, o silicone consegue deixar-se esquentar pela temperatura corporal, por isso, é um material perfeito para consoladores e vibradores.
  • É muito fácil de limpar e pode ser esterilizado.
  • Suporta bem o calor, por isso é possível lavá-lo com água fervendo sem problema.
  • Não é poroso, não contém ingredientes tóxicos e pode durar muitos anos se cuidar de seu brinquedo sexual de forma adequada.
Como escolher o material de um brinquedo sexual - Passo 2
Imagem: articulo.mercadolibre.com.ve
3

A substância gelatinosa é sem dúvida outro material de brinquedos sexuais encontrada de forma habitual nas lojas. Ainda que seja um material muito flexível e suave ao tato, a substância gelatinosa possui algumas qualidades que não a convertem na melhor escolha:

  • É porosa e pode ser limpa mas não esterilizada, pois não resiste ao calor.
  • Em alguns casos e dependendo da pele do usuário, a substância gelatinosa poderia ocasionar irritações e incômodos na pele.
  • Recomenda-se para brinquedos sexuais que não sejam usados com muita frequência.
Como escolher o material de um brinquedo sexual - Passo 3
Imagem: nohaysecretos.com
4

O elastômero é uma grande opção para os materiais de brinquedos sexuais, pois suas propriedades hipoalergênicas convertem-no na alternativa perfeita para quem é sensível. Mas também qualquer brinquedo sexual deste material contará com as seguintes propriedades:

  • Pode ser limpo com muita facilidade, só requer água e sabão, embora seja um pouco poroso, não pode ser desinfetado;
  • É um material muito suave e agradável ao contato;
  • O elastômero é duradouro, e ainda mais se receber os cuidados necessários.
Como escolher o material de um brinquedo sexual - Passo 4
5

Outra opção inovadora e interessante quando se trata de escolher os materiais para os brinquedos sexuais, é optar por produtos duros e um pouco menos convencionais como o vidro, o metal ou a cerâmica. Ainda que possa parecer curioso, os brinquedos sexuais destes elementos estão muito na moda, pois oferecem algumas vantagens:

  • Não são porosos, por isso podem ser lavados e desinfetados sem problemas;
  • Não produzem alergias;
  • Adequam-se à temperatura corporal;
  • São suaves e firmes;
  • Duram muito tempo.

A única desvantagem é talvez seu alto preço, pois os brinquedos sexuais realizados com materiais duros normalmente não costumam ser baratos.

Como escolher o material de um brinquedo sexual - Passo 5
6

O látex não é apenas usado para a fabricação de camisinhas, mas também é um material que pode ser encontrado em alguns brinquedos sexuais. Dependendo do seu corpo, pode ser uma grande opção ou uma péssima alternativa, isto no caso de ser alérgica ao látex ou desenvolver a alergia. As propriedades deste material nos brinquedos sexuais são:

  • É um material muito resistente que dificilmente sofrerá danos;
  • Apresenta dureza e firmeza, por isso é uma grande alternativa quando se trata de consoladores e vibradores;
  • Oferece uma boa textura.

Entre suas desvantagens está o fato de que pode produzir alergias ou irritações e que, como se trata de um material delicado de limpar, o mais conveniente é usá-lo com camisinha para diminuir a presença de bactérias.

Como escolher o material de um brinquedo sexual - Passo 6
Imagem: articulo.mercadolibre.com.mx
7

O plástico tipo PVC ou ABS é também usado frequentemente na fabricação de brinquedos sexuais, e se converte em uma boa opção para quem deseja antes de mais nada a firmeza, já que se trata de um material duro que dará como resultado brinquedos algo rígidos. É fundamental limpá-lo muito bem já que pode atrair muito as bactérias como o látex.

Como escolher o material de um brinquedo sexual - Passo 7

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como escolher o material de um brinquedo sexual, recomendamos que entre na nossa categoria de Relações Sentimentais.

Escrever comentário sobre Como escolher o material de um brinquedo sexual

O que lhe pareceu o artigo?

Como escolher o material de um brinquedo sexual
Imagem: fernanda-familiar.com
Imagem: articulo.mercadolibre.com.ve
Imagem: nohaysecretos.com
Imagem: articulo.mercadolibre.com.mx
1 de 7
Como escolher o material de um brinquedo sexual

Voltar ao topo da página