Partilhar
Partilhar em:

Como tratar a balanite

Passo a passo
Dificuldade: Baixa
Avaliação: 4,9 (2535 votos)
43 comentários
27 vezes partilhado
 
Como tratar a balanite
Fonte: abc.es

A balanite é uma inflamação da glande ou cabeça do pênis que pode ser produzida por diferentes causas, como uma infecção por fungos, falta de higiene, doenças sexualmente transmissíveis (DST), diabetes mal controlada, dermatite, sabões muito agressivos, alergias, psoríase ou outras doenças da pele. Dependendo de qual seja a causa, se optará por um tratamento ou por outro.

Em umComo.com.br veremos como tratar a balanite.

Também lhe pode interessar: Posso fazer sexo com balanite?
1

A causa mais frequente da balanite é uma infecção por fungos, geralmente pela cândida albicans, que dá nome à doença: balanite candidiásica.

Os sintomas mais evidentes são a coceira e a vermelhidão da glande e, inclusive, do prepúcio em casos mais graves. Em geral costumam regredir espontaneamente em 4 ou 5 dias. Se não for assim, precisará de um tratamento em princípio em forma de pomada antimicótica, como o ketoconazol, o miconazol, o clotrimazol ou a nistatina. Costuma-se indicar a aplicação destas, que são vendidas sem necessidade de receita, 2 ou 3 vezes ao dia durante um mínimo de 10 dias, administrando-se após higienizar e secar bem a zona afetada. O resultado costuma ser rápido e efetivo.

Também podem ser prescritos antifúngicos via oral, como o fluconazol, um tablete de 150mg que se toma em dose única.

Uma alimentação com muitos açúcares e hidratos de carbono alimenta as células da Cândida e proporciona-lhes toda a energia de que precisam para viver. Pelo contrário, a ingestão de alimentos orgânicos, ricos em enzimas ativas e com alto conteúdo em vitaminas e minerais, mata as células da Cândida.

2

Quando a balanite for produzida por uma infecção bacteriana, o tratamento utilizado será tomar antibióticos por via oral. Para decidir de que antibiótico você precisará, pode ser que o médico responsável tome uma amostra com um cotonete, uma varinha com a ponta de algodão, para cultivar no laboratório e verificar que tipo de bactéria é a causadora da balanite.

A administração oral das cefalosporinas, como cefalexina, ceftriaxona ou cefixima é útil para o tratamento contra a balanite produzida pela gonorreia. Costuma ser administrada quatro vezes ao dia durante 7 dias.

Outra possibilidade são os macrólidos, como a eritromicina e a azitromicina, geralmente receitados por 7 dias, duas vezes ao dia.

Se as infecções se repetem com frequência, uma medida a ser considerada para sua solução é a circuncisão, sobretudo em casos de fimose e parafimose. É uma intervenção cirúrgica que consiste em cortar a pele do prepúcio deixando a glande exposta. É realizada com anestesia local, dura menos de uma hora, não precisa de internação hospitalar e a recuperação é de 8 ou 10 dias. Deste modo, poderá recuar o prepúcio para limpá-lo, cuidado básico para evitar a balanite.

3

Os cuidados gerais em todos os tipos de balanite, seja qual for a causa, são os seguintes:

Higiene

Se a pele estiver inflamada a recomendação é manter a zona limpa e seca, evitando o uso de qualquer sabão perfumado, loção ou elemento químico que possa irritar a zona.

Deve-se lavar a glande diariamente. Puxando o prepúcio para trás suavemente durante o banho ou a ducha e limpando suavemente a glande utilizando apenas água e um sabão suave, garantindo que o pênis e a glande estejam secos antes de vestir a roupa interior. Se a glande apresentar pequenas placas brancas, causadas pela infecção fúngica, não se deve tentar limpá-las nem esfregá-las, isso provocará que a glande fique mais lesionada e com feridas abertas, facilitando a entrada de mais microrganismos.

Lave as mãos antes de ir ao banheiro, se você trabalhar com produtos químicos que possam irritar a pele delicada.

Também se pode testar um creme à base de água para aliviar e limpar a zona. Se você tem balanite por irritação, uma vez que se deixa de usar o produto que causa a irritação, os sintomas geralmente desaparecem. No entanto, podem reaparecer se começar a usar o produto novamente.

Outro tratamento para a balanite é a lavagem com permanganato de potássio. Dissolve-se uma pastilha em um litro de água fervida e vai-se utilizando, 2 ou 3 vezes por dia. O borato de sódio também alivia os sintomas: dissolve-se uma colherada em um litro de água fervida, guarda-se em um recipiente com tampa e vai-se usando pouco a pouco em cada lavagem.

4

Relações sexuais

Ainda que com o tratamento não seja necessário evitar as relações sexuais, estas podem provocar mais irritação e inflamação na zona afetada. A infecção raramente é transmitida pelas relações sexuais, mas se chegar a ocorrer, ambos deverão tratar-se ao mesmo tempo. É por isto que se aconselha o uso de preservativos neste período, desde que não sejam a causa da balanite, e se assim for, utilizar os que são especiais para peles sensíveis.

5

Cremes esteroides

Podem ser receitados para ajudar a reduzir a inflamação, com os cremes corticoides obtém-se uma melhora rápida, ainda que exista a possibilidade de que piore certas infecções. Não se deve utilizar este medicamento se não tiver sido prescrito pelo médico.

6

Se deseja ler mais artigo parecidos a Como tratar a balanite, recomendamos que entre na nossa categoria de Relações Sentimentais.

Conselhos
  • Procure seu médico de família em qualquer caso, se suspeitar que pode estar com balanite.
Relacionados
Comentários (43)

Escrever comentário sobre Como tratar a balanite

Muito útil
43 comentários
Mauricio
Sua avaliação:
Unica coisa que funciona é creme Psorex, em 03 dias some tudo, depois volta faz parte da balanite.
rsilva
Sua avaliação:
por favor envie mais informaçoes e formas de tratamentos para Balanite ou formas de tratar doenças relacionadas.
Antonio
Sua avaliação:
meu comentário tem o objetivo de dar uma sugestão, e falo porque lidei e sofri muito com essa tal de balanite fúngica. Recorrências todas as vezes que me atacava o stress do trabalho e outros motivos. Depois de consultar vários médicos, utilizar vários tratamentos e medicamentos, acabei descobrindo um medicamento que proporciona verdadeiro milagre no tratamento disso. Óleo de Melaleuca. Impressionante. Utiliza uma ou duas vezes depois do banho. No dia seguinte parecem surgir ulcerações na pele. Suspende o uso, e dois dias depois a pele do pênis volta ao normal, assim ficando por muito mais tempo do que me garantiam os tratamentos anteriores. Para mim, um milagre esse tal de óleo de melaleuca. Taí uma dica que vai impressionar aos que resolverem testar.
Sara Viega
Oi Antonio! Muito obrigada por partilhas isso conosco valeu :)
Manoel
Pessoal, tenho 31, tive cândiada (que é uma siples micose), e apresentava somente coceira, vermelhidão e inchaço. O médico da emergência receitou uma pomada com antibiótico (triancinolona e gentamicina), depois de 4 dias de aplicação a coceira parou, porém ela formou uma assadura, ficou em carne viva a glande e até água ardia muito. Tive que usar Trok (cetoconazol + betametasona) por 7 dias para melhorar o ferimento, depois deixar a cabeça exposta com esparadrapo, e dar banhos com salmoura (alto poder cicatrizante e desinfetante). Então creio que o erro é utilizar pomada com antibiótico, pois nossas bactérias protegem a pele da glande e prepúcio, não deixando ocorrer uma grande infecção e eliminando-as os fungos tomam conta. Infecção por fungo é tratada com antimicótico (cetoconazol, miconazol) infecção por bactéria sim, é antibiótico. Não deixe se levar por pomadas ultrapotentes, utilize somente cetoconazol e comprimidos de fluconazol até a melhora dos sintomas. E deixe a pele do prepúcio puxada, ficando o dia todo e à noite com a glande exposta e seca (utilize um esparadrapo p. prendê-la). Vou fazer a postectomia, não quero mais sofrer com isso, é muito sofrimento, já deveria ter feito há muito tempo, mas anos atrás um médico não viu necessidade, e acabei deixando por isso. Sempre vá em mais de 1 profissional para outro ponto de vista. Melhoras a todos!
Bruno
Depois de uma relação sexual na hora do banho percebi que havia sofrido um pequeno corte no lado esquerdo do meu pênis, no dia seguinte estava super inchado e com um odor ruim, bem úmido, então lavei e sequei, porem uns 40 minutos depois estava ficando do mesmo jeito, fui lavando, limpando e secando, o inchaço sumiu, a vermelhidão diminuiu, mas, ainda esta ficando muito úmido, com o odor ruim e vi que quando tomo banho ainda arde em alguns pontos, estou lavando com soro fisiológico, secando com gaze e já tomei fluconazol, mas ate agora não resolveu muita coisa. Marquei urologista mas só tem atendimento para o dia 29/06 e isso ja esta me incomodando, o que posso ou devo fazer para tratar esse problema?
Magela
Eu acabei de fazer a cirurgia ou seja a circunsição. Meu médico me disse que depois que aparece s baloniste, não adianta outros tratamentos. Estou em fase de recuperção e já desapareceu a doença. Se quiser fazer um contato comigo meu e-mail é xxxxxxxx@hotmail. com. Fiquei meses fazendo tiramento e não adiantou nada.
Gilmar
Pois, há quase um mes, venho sentindo estreitamento na glande penis, saiu uns ferimentos, inflamação, tenho diabetes tipo 2, e estou evitando, todos os derivados, para não prejudicar, estou usando Permaganato de Potássio, aviluo bastante e tbém lavando com Bicabornato de Sódio, passei alguma pomadas, mas não resolviam, mas ainda estou tratando, sindo ardencia ao urinar, seco papel, e lavo sabonete Granado.
Nelton
Fiz a cirurgia de fimose mas até hoje não consigo, fazer sexo sem camisinha porque rasga em volta da cabeça do pênis, qualquer pequeno esforço já rasga.
Barros
A masturbação poderá engrossar a pele... deixando mais rustica. Além de ajudar a prolongar o ato sexual. Faço isso e vi resultados positivos.
Paulo
Tomar Benzetacil e passar pomada Nemacimed
Marco A. Martini
Procurei mas não achei algo que falece sobre a falta de sensibilidade na glande, poderia me ajudar a encontrar uma solução para o caso ou indicar até uma medição local para uso ?
Jose Teodio da Silva Filho
COMPLEMENTO: FLUCANAZOL150 mg, TOMAR 1 CP VO 1 X POR SEMANA POR 4 DIAS. PARA BALANITE:

Descubra vídeos interessantes
DIY
Aulas de Zumba
Top 10
Tratamentos de Pele
Como tratar a balanite
Fonte: abc.es
Como tratar a balanite