Partilhar

Quais são as práticas sexuais mais comuns

Por Redação umCOMO. Atualizado: 21 fevereiro 2020
Quais são as práticas sexuais mais comuns
Imagem: yourtango.com

Quando se trata de sexo é difícil traçar os limites do prazer. Cada um escolhe uma forma de desfrutar sua sexualidade e potencializar os encontros, fazendo com que as práticas sexuais passeiem por uma infinidade de alternativas aptas para todos os gostos. Muitos têm fantasias sexuais, mas nem todo mundo consegue converter os seus desejos em realidade, ao fazer isso se tornam automaticamente uma prática sexual. Em umComo.com.br reunimos as práticas sexuais mais comuns, aquelas que se tornaram mais populares ao redor do mundo. Interessado? Então continue lendo.

Também lhe pode interessar: 12 acidentes sexuais mais comuns

Fetichismo

O fetichismo é talvez uma das práticas sexuais mais comuns que podem existir, pois o conceito abarca um grande número de subpráticas. Considera-se fetichista uma pessoa que, para atingir a excitação ou o clímax sexual requer do uso de determinados objetos ou da manipulação de certas partes do corpo. Os fetiches mais comuns são os que giram em torno da lingerie, o látex, o couro ou os pés femininos, no entanto existe um enorme número de objetos que podem ser transformados em fetiche.

Bondage

O Bondage faz parte de uma ampla faixa de práticas vinculadas à dominação e à submissão. Trata-se de amarras eróticas para imobilizar o parceiro e realizar determinados jogos sexuais ou o coito. Neste caso existem níveis para esta prática, por exemplo, aqueles casais que usam máscaras e algemas de maneira eventual para dar um toque picante a seus encontros sexuais, talvez sem saber que estão praticando o Bondage. Igualmente, há sistemas de amarras bem mais elaboradas e complexas usadas normalmente por aqueles praticantes mais experientes do BDSM.

Spanking

Alguma vez seu parceiro te deu uma palmada durante o sexo? Gosta de ser castigada(o) de vez em quando? Então você praticou o Spanking, que consiste fundamentalmente em açoitar eroticamente seu parceiro como método de disciplina. Você pode usar sua mão ou adquirir em sex shops uma haste, uma régua, um açoite ou chicote, tudo depende do gosto de cada um. Apesar de fazer parte do BDSM esta é uma das práticas sexuais mais comuns que existem e a maior parte das pessoas pode dizer que alguma vez o fez.

Voyeurismo

Muitos filmes de cinema exploraram o caráter excitante do Voyeur. O Voyeurismo é uma prática sexual que se baseia na excitação que nos dá ao ver outros praticando o ato sexual ou passeando nus. Observar o corpo humano, a intimidade e o prazer gerado com o sexo funcionam como mecanismo de excitação para este tipo de pessoas.

Exibicionismo

Oposto ao Voyeurismo, o exibicionista é quem encontra o prazer sexual quando se sente observado na intimidade. Gosta de mostrar-se e que o espiem, bem como desfruta se despindo diante de outros.

Dogging

Esta prática sexual ficou muito na moda nos últimos anos. Conhecido também como carparking, o Dogging é a prática sexual na qual se mantêm relações com um desconhecido em um lugar público enquanto outros têm a possibilidade de observar. Os lugares mais habituais são os carros, ainda que também possam ocorrer em espaços mais abertos como parques, praias, etc.

Sexo grupal

O sexo grupal compreende uma grande quantidade de práticas sexuais aptas para todo tipo de gosto e fantasias sexuais. Talvez a mais comum sejam os trios, no entanto, há séculos que o homem está bastante relacionado com a prática de orgias sexuais, algo habitual, por exemplo, na Roma Antiga.

Outras formas de sexo grupal são os Swingers ou troca de casais, o Bukkake ou as Gang Bangs, muito na moda atualmente. Cada uma conta com suas particularidades e regras específicas.

O que é normal?

Existem diversas práticas sexuais, muito mais do que mencionamos nesta lista. Muitas delas são consideradas normais desde que façam parte esporádica dos encontros sexuais ou sejam usadas para satisfazer uma fantasia determinada. Por exemplo, vestir-se de couro ou com uma fantasia erótica para brincar com o parceiro.

No entanto, os especialistas assinalam que quando nosso desejo e excitação gira em torno de uma única forma de atingir o prazer, por exemplo, só nos excitamos com a lingerie (fetiche) ou com alguma alternativa do BDSM, com o resto fica muito difícil ou impossível soltar nossa libido e nos encontramos diante de uma situação que merece atenção. Estas práticas sexuais por serem comuns não quer dizer necessariamente que sejam normais, por isso diante de qualquer dúvida o melhor é procurar um sexólogo.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Quais são as práticas sexuais mais comuns, recomendamos que entre na nossa categoria de Relações Sentimentais.

Escrever comentário sobre Quais são as práticas sexuais mais comuns

O que lhe pareceu o artigo?
2 comentários
Sérgio
eu gosto de fazer sexo na madrugada e melho dia
RUBENS CRIVELLARO
GOSTEI MUITO E MUITO ME AJUDOU......
Redação umCOMO (Editor/a de umCOMO)
Oi Ruben, que bom que o artigo foi útil para você! Grata pelo comentário e continue nos seguindo :)

Quais são as práticas sexuais mais comuns
Imagem: yourtango.com
Quais são as práticas sexuais mais comuns

Voltar ao topo da página