Partilhar

Como evitar uma relação absorvente

Por Sara Viega. Atualizado: 16 janeiro 2017
Como evitar uma relação absorvente

Depois de um tempo de relação, você sente que não tem tempo para si mesma. Todas as atividades são realizadas com seu companheiro e vocês construíram uma relação baseada na simbiose. Há quanto tempo você não passa um momento só com suas amigas? Há quanto tempo você não cuida de si mesma? Muitas vezes as relações absorventes nos levam ao isolamento: poderia se dizer que não sei quem sou sem meu companheiro. Para que uma relação dure você deve poder separar as coisas que você pode fazer com seu companheiro das coisas que você deve fazer sozinha. Encontre a si mesma, não perca sua identidade e desta maneira você poderá ter uma relação saudável e próspera. A seguir, mostraremos-lhe como evitar uma relação absorvente.

Também lhe pode interessar: Como manter uma relação estável
Passos a seguir:
1

Comunicação. Em primeiro lugar, você deve falar com seu companheiro sobre o que está acontecendo e expressar a necessidade de começar a realizar algumas atividades separadamente. É necessário que cada um tenha um tempo para si próprio, este é um dos segredos mais importantes para que uma relação funcione. Explique a ele que não se trata de que seu sentimento tenha mudado, mas de que você considera necessário tomar esta decisão.

2

Atividades. Trate de realizar atividades que não incluam seu companheiro, tais como sair com suas amigas ou se inscrever em cursos. Estimule seu companheiro a fazer o mesmo. Esta situação não significa que vocês deixem de fazer coisas juntos, mas que realizem algumas atividades separadamente para preservar o espaço da cada um. É importante que ambos também se divirtam fazendo atividades separadamente e que sintam saudades um do outro.

3

Tarefas. Pouco a pouco, comece a separar algumas tarefas que vocês realizam conjuntamente. Desta maneira, evitarão criar dependência um do outro. Por exemplo, não irem sempre juntos fazer as compras, pelo contrário: irem sozinhos alguma vez ou não irem sempre juntos às lojas. Isto não significa fazer tudo sozinhos, mas significa não fazer tudo juntos.

4

Sentir falta. Quando a outra pessoa não está conosco costumamos sentir falta e é esse sentimento o que nos permite confirmar o quanto gostamos dela. Algumas vezes é necessário ter a chance de sentir saudade do nosso companheiro, mas para isso precisamos realizar certas atividades separadamente.

5

Avançar. Para poder crescer numa relação é necessário que ambos coincidam mas também que tenham certas diferenças. Em uma relação absorvente, muitas vezes não somos capazes de ver estas diferenças e de poder aprender com elas. A relação de casal funciona quando o outro nos completa e não quando nos mimetizamos com o outro.

6

Identidade. É fundamental não perdermos a nossa identidade. Nosso companheiro apaixonou-se por uma pessoa que, pelas características da relação, já não é a mesma. Não tenha medo de que esta nova forma de enfrentar a situação separe vocês, ao contrário, ela os unirá, já que vocês aprenderão a valorizar outras coisas que antes não valorizavam.

7

Preparação. Depois que esta mudança de atitude na relação já tiver sido iniciada, fale com seu companheiro sobre como ele se sente e qual é a opinião dele sobre o assunto. Vocês devem tentar ser o mais sinceros possível para conseguir enxergar quais são as coisas que ainda devem ser mudadas e quais as que devem voltar a ser como eram antes. Esta é uma decisão dos dois.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Como evitar uma relação absorvente, recomendamos que entre na nossa categoria de Relações Sentimentais.

Escrever comentário sobre Como evitar uma relação absorvente

O que lhe pareceu o artigo?
1 comentário
fatima
Não fazendo de sua propria vida uma só!!!!!!!!

Como evitar uma relação absorvente
Como evitar uma relação absorvente

Voltar ao topo da página