Partilhar

Causas do corrimento amarelo

Causas do corrimento amarelo
Imagem: blogadao.com

O corrimento vaginal é um problema que incomoda muitas mulheres ao longo da sua vida. Note-se que nem todo o fluxo genital significa uma doença e nem toda a doença é infecciosa. As mulheres possuem uma secreção vaginal fisiológica que pode alterar de intensidade de acordo com influências hormonais, pode acontecer durante a fase do ciclo menstrual, com o uso de hormônios, durante a gravidez ou até mesmo influências psicológicas. Normalmente, a secreção vaginal apresenta-se de cor clara ou branca, composta por líquidos cervicais e pode variar na quantidade e no aspeto. No entanto, quando se apresenta algum processo infeccioso ou inflamatório, as caraterísticas da secreção modificam-se, caraterizando o corrimento vaginal. De seguida, em umComo.com.br mostramos-lhe as causas do corrimento amarelo.

Também lhe pode interessar: Causas do corrimento marrom
Passos a seguir:
1

O corrimento abundante amarelo ou amarelo-esverdeado, com um odor forte e bolhoso pode ser sinal de tricomoníase.

2

A tricomoníase é uma doença de transmissão sexual (DST) causada por uma infeção de um parasita (protozoário chamado de trichomonas vaginalis) e que se contagia através do ato sexual desprotegido com uma pessoa infetada. Trata-se de uma doença sexualmente transmissível comum que tanto podem ter os homens como as mulheres. No entanto, o homem costuma ser assintomático, enquanto que na mulher quase sempre causa sintomas.

3

Para além dos sintomas acima mencionados, são também comuns os sintomas inflamatórios na vulva e na vagina, como ardência, vermelhidão e edema vulvar e vaginal, prurido vulvar e, por vezes dor ao iniciar a relação sexual. Em alguns casos também pode causar dor ao urinar e dor no baixo ventre.

4

O diagnóstico da tricomoníase deve ser feito por um médico especializado, um ginecologista, através do exame papanicolau ou através da observação da secreção vaginal. Assim que, se identifique a doença é importante iniciar de imediato o tratamento.

Veja também: Corrimento amarelado e coceira, o que pode ser? - 9 causas comuns

5

O tratamento para a tricomoníase é feito através de medicamentos antibióticos, com o objetivo de acabar com o parasita causador da infeção. Se quiser saber mais sobre o tratamento da tricomoníase veja o nosso artigo sobre como tratar a tricomoníase.

Se pretende ler mais artigos parecidos a Causas do corrimento amarelo, recomendamos que entre na nossa categoria de Relações Sentimentais.

Conselhos
  • A melhor forma de evitar a tricomoníase e as restantes doenças de transmissão sexual é a prevenção.

Escrever comentário sobre Causas do corrimento amarelo

O que lhe pareceu o artigo?
4 comentários
Liliane
Eu tenho escorrimento amarelo pode ser um Doença que peguei do meu marido
Alessandra
Bom dia, eu tenho esse corrimento amarelo e as vezes esverdeado, com ardência, dor no pé da barriga, e as vezes uma coceira e desconforto na relação sexual, isso poder ser sinal de tricomoníase?
Vanessa Lopes (Editor/a de umCOMO)
Oi Alessandra, pode saber quais são os sintomas da tricomoníase neste artigo: http://relacoes.umcomo.com.br/articulo/quais-sao-os-sintomas-da-tricomoniase-8735.html
andreza
Gostaria de saber qual nome se da ao corrimento em grande quantidade amarelo com aparecia de pus .nao sinto nenhuma dor nei uma ardência ao urina .o q devo fazer qual remedio tomar?
aurea vianna
Comecei com ardência , com corrimento amarelo e desconforto. Fui a ginecologista e a mesma fez exames e transvaginal, mas não deu nada. Antes eu tive fungos e fui tratada, depois aconteceu isso. Ela fala que é da idade , pois não tenho útero só ovários e que depois da menopausa acontece isso, mas o que faço? Tenho 59 anos e ha muitos anos nao tenho relacionamento sexual.

Causas do corrimento amarelo
Imagem: blogadao.com
Causas do corrimento amarelo

Voltar ao topo da página