Que procura? ¿Como tratar o excesso de lubrificação vaginal? Não procure mais! Aqui tem a resposta

Como tratar o excesso de lubrificação vaginal

Como tratar o excesso de lubrificação vaginal

A lubrificação vaginal é fundamental para desfrutar de penetrações de bastante prazer, suaves e especialmente indolores, por isso para muitas mulheres a secura vaginal representa um problema importante. Mas sabemos que nenhum extremo é bom, assim aquelas mulheres que, pelo contrário, lubrificam em excesso enfrentam também outro problema: a perda da sensibilidade durante as penetrações. Apesar de enfrentar esta situação não seja tão fácil como parece, em umComo.com.br explicamos-lhe um pouco sobre o tema e damos-lhe algumas soluções para saber como tratar o excesso de lubrificação vaginal.

Foto: commons.wikimedia.org

Instruções
1

A lubrificação vaginal é regida pelas glândulas de Bartholin, localizadas nas laterais da vagina. Mas, às vezes e devido a problemas hormonais como estrogênio ou prolactina altos, hipertiroidismo, entre outros, os vasos sanguíneos da vagina ficam alterados, produzindo excesso de lubrificação.

Embora possa parecer que lubrificar em excesso seja algo benéfico para o sexo, a realidade é que em muitos casos compromete o prazer sexual pois perante o excesso de lubrificante o efeito de fricção que se deve produzir durante o sexo pode estar ausente, deste modo a mulher sente pouco ou nenhum prazer ao ser penetrada.

2

A primeira coisa que deve saber é que não há uma solução mágica para eliminar o excesso de lubrificação, mas é possível encontrar o tratamento mais adequado, por isso é importante começar por conhecer a causa. Se se tratar de alguma alteração hormonal, ao receber o tratamento adequado é possível melhorar o excesso de lubrificação vaginal e levá-la a níveis normais.

3

Se sofre de lubrificação vaginal excessiva, é conveniente evitar os estímulos demasiado intensos. Assim como as mulheres que sofrem de secura vaginal precisam de mutos preliminares e estímulos para lubrificar, você pelo contrário necessita que as relações sexuais sejam intensas e de muito prazer mas sem demasiados preliminares, pois caso contrário a lubrificação será ainda maior do que a que já tem.

4

Durante o sexo é importante manter a lubrificação vaginal num bom nível mas sem excessos, por isso recomenda-se o uso de uma pequena toalha limpa e seca para limpar a zona vaginal nos momentos em que a lubrificação seja demasiada. Esta solução, embora temporal, permitirá desfrutar da penetração de forma fácil.

5

Para além destas duas recomendações práticas, para tratar o excesso de lubrificação vaginal é necessário consultar o seu médico. O primeiro passo é recorrer ao seu ginecologista e explicar-lhe o seu problema. Este especialista irá avaliar a sua situação e se necessário irá referir-lhe a um endocrinólogo, com a finalidade de descobrir se por detrás do excesso de lubrificação há algum problema de carácter hormonal.

Existem comprimidos e tratamentos para controlar o excesso de lubrificação, mas os mesmos devem administrar-se sob supervisão médica, pelo que ir ao seu ginecologista é fundamental.

6
Se deseja ler mais artigos parecidos a como tratar o excesso de lubrificação vaginal, recomendamos que entre na nossa categoria de Sexo e Beijos.

Comenta, opina, pergunta sobre como tratar o excesso de lubrificação vaginal

Nome
Email (não será publicado)
 
Enviar comentário
Avise-me quando alguém comentar este artigo
Avisei-me quando publicarem mais artigos nesta categoria: Sexo e Beijos e na Newsletter